domingo, 16 de abril de 2017

COREIA DO NORTE FAZ LANÇAMENTO DE MÍSSIL, MAS OPERAÇÃO FRACASSA



Fonte: Sputinik 

A Coreia do Norte tentou lançar um míssil neste sábado perto de Sinpo, na costa leste do país, mas, segundo a informação das forças sul-coreanas, a operação fracassou; posteriormente, o Pentágono confirmou a tentativa fracassada do lançamento de míssil norte-coreano. De acordo com o comando militar dos EUA, o míssil norte-coreano explodiu "quase imediatamente" após o início da operação; exercício militar norte-coreano indica que uma guerra pode começar a qualquer momento 
A Coreia do Norte tentou lançar um míssil neste sábado perto de Sinpo, na costa leste do país, mas, segundo a informação das forças sul-coreanas, a operação fracassou.
Posteriormente, o Pentágono confirmou a tentativa fracassada do lançamento de míssil norte-coreano. De acordo com o comando militar dos EUA, o míssil norte-coreano explodiu "quase imediatamente" após o início da operação. 
A tentativa do lançamento de mísseis ocorre um dia depois que do desfile militar realizado em Pyonyang, marcando o aniversário do nascimento do fundador da Coreia do Norte, onde foram exibidos novos mísseis balísticos. 
Militares norte-coreanas durante a parada militar em homenagem ao 60º aniversário do fim da Guerra da Coreia, 2013
"A Coreia do Norte tentou realizar um lançamento de mísseis hoje de manhã na região de Sinpo, na província de Hamgyong, no entanto, estima-se que a tentativa não foi bem sucedida", informou o comitê conjunto de chefes das Forças Armadas da Coreia do Sul, citado pela agência Yonhap.
Recentemente, a tensão entre Coreia do Norte e EUA se agravou tão fortemente que vários especialistas já começaram a falar sobre a possibilidade de um conflito armado na região. Ambos os países trocam acusações pela troca de provocações – a Coreia do Norte realiza testes de mísseis um após outro e os EUA realizam na região manobras cada vez mais assustadoras com a Coreia do Sul. Ao mesmo tempo, EUA estão negociando com a China sobre as medidas contra o programa nuclear norte-coreano.