quinta-feira, 4 de fevereiro de 2016

Saques superaram depósitos em mais de R$ 12 bi e poupança tem o pior resultado mensal da história



Fonte: R7

Após fechar 2015 com o maior volume de saques da história para um único ano, a poupança voltou a contabilizar um volume de retiradas maior do que o de depósitos no começo deste ano. Em janeiro, com R$ 149,5 bilhões aplicados e R$ 161,5 bilhões retirados, o saldo da poupança fechou o mês negativo em R$ 12 bilhões.
O resultado, divulgado nesta quinta-feira (4), pelo BC (Banco do Brasil), é o pior já registrado para um único mês desde 1995, ano em que os dados passaram a ser divulgados.
Antes de janeiro, o pior resultado mensal da poupança foi registrado em março do ano passado, quando o resultado ficou negativo em R$ 11.438.430, com R$ 171.098.514 retirados e R$ 159.660.084 depositados.
No ano passado, o saldo do fundo ficou negativo em R$ 5.528.549 no mês de janeiro, quando os saques totalizaram R$ 77.040.183 e os depósitos R$ 77.526.813.
Ao longo de todos os 12 meses do ano passado, o saldo da caderneta ficou negativo em R$ 53,568 bilhões. O volume de saques pode ser justificado pela atual rentabilidade do fundo que, com juros básicos a 14,25% ao ano, tem rendimento menor do que a inflação e faz com que os investidores busquem por alternativas mais atrativas de investimento.